Testes PCR da Roche Diagnóstica para detectar o vírus da varíola dos macacos chegam ao Brasil

Assim como aconteceu com os testes de Covid-19, Roche é a primeira a trazer para o país o exame que detecta a doença
 

Julho de 2022 – A Roche Diagnóstica, juntamente com a sua filiada TIB Molbiol, acaba de trazer para o Brasil três kits diagnósticos para a detecção do vírus da varíola dos macacos. Os testes utilizam ensaios PCR — amplamente utilizados para identificação do vírus da Covid-19 — para detecção dos ortopoxvírus, incluindo o vírus da varíola dos macacos, a partir da coleta de amostras de lesões de pele humana.

Um dos kits, o LightMix® Modular Orthopox, detecta o ortopoxvírus, incluindo todos os tipos de vírus da varíola dos macacos, vindos da África Ocidental e da África Central. Outro kit é específico para detectar apenas o vírus da varíola dos macacos (linhagem da África Ocidental e da África Central).
 

Para pesquisadores interessados em obter ambos os resultados, há uma terceira opção, que detecta simultaneamente os diferentes ortopoxvírus e fornece informações sobre a presença ou não do vírus da varíola dos macacos (linhagem da África Ocidental e da África Central).
 

Os kits da Roche Diagnóstica estão sendo disponibilizados para qualquer instituição, seja no âmbito público ou privado. Os testes são, inicialmente, para uso exclusivo em pesquisa e, pela regulamentação brasileira, os laboratórios públicos e privados podem utilizar os testes para uso como diagnóstico, desde que procedam com validação do ensaio.
 

“Fomos pioneiros no kit para detecção da Covid-19, e agora também já temos testes para a identificação do vírus causador da varíola dos macacos no País. O permanente e significativo investimento da Roche em Pesquisa & Desenvolvimento nos permite criar respostas rápidas e com escala para atender as demandas da saúde pública”, afirma Carlos Martins, presidente da Roche Diagnóstica no Brasil.

Sobre a Roche Diagnóstica

A Roche é uma empresa global, pioneira em produtos farmacêuticos, de diagnóstico e para monitoramento da diabetes, dedicada a desenvolver avanços na ciência para melhorar a vida das pessoas desde a sua fundação em 1896, na Basileia (Suíça). A divisão Diagnóstica da companhia é líder mundial em diagnóstico in vitro e tecidual de câncer, oferecendo um amplo portfólio de produtos, serviços e soluções exclusivas, incluindo Ensaios, Diagnóstico Digital, Gestão de Doenças, Automação de Laboratório e Softwares voltados para pesquisadores, médicos, pacientes, hospitais e laboratórios.

No Brasil desde 1972, a Roche Diagnóstica se dedica a soluções de diagnóstico laboratorial, e hoje concentra suas atividades na importação e distribuição de testes e equipamentos de diagnóstico in vitro para áreas como Sorologia, Hematologia, Biologia Molecular, Point of Care e Pesquisa. Seu portfólio contempla doenças nas áreas de Cardiologia, Doenças Infecciosas, Oncologia, Saúde da Mulher, Neurologia, entre outras.

O diagnóstico desempenha um papel essencial no auxílio às organizações de saúde na luta contra as doenças, bem como no atendimento a desafios de saúde cada vez mais complexos. A medicina diagnóstica baseia cerca de 70% das decisões clínicas no mundo. Diagnósticos confiáveis representam conhecimento e informação que dão poder a médicos e pacientes para tomar a decisão certa, no momento certo, para uma vida melhor. É por isso que a Roche acredita e investe no valor médico das suas soluções diagnósticas.

Fonte: In Press Porter Novelli / Foto Ilustrativa: Freepik

Comentários estão fechados.