HOSPITAL SÍRIO-LIBANÊS LANÇA MANUAL DE CONDUTAS PRÁTICAS EM CARDIO-ONCOLOGIA

O Hospital Sírio-Libanês lançará no dia 16 de junho, durante o 38.º Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, o primeiro Manual de Cardio-Oncologia do Brasil. O objetivo é que o trabalho possa ser utilizado como um guia para profissionais que atuam nas duas áreas, focando em estratégias diagnósticas e condutas terapêuticas em cardio-oncologia.

“Alguns tratamentos de quimioterapia e radioterapia podem gerar riscos de complicações cardíacas, como insuficiência do músculo cardíaco ou arritmia. Tanto os tratamentos cardiológicos quanto os oncológicos, precisam de decisões rápidas por parte dos médicos. Por isso, pensamos nesse manual como uma contribuição aos profissionais”, explica a Dra. Marília Harumi Higuchi dos Santos, Coordenadora do Serviço de Cardio-Oncologia do Sírio-Libanês.

A publicação, destinada a cardiologistas e oncologistas, é resultado da experiência acumulada no cuidado oferecido por duas das principais áreas do Hospital Sírio-Libanês – o Centro de Cardiologia, dirigido pelo Prof. Dr. Roberto Kalil Filho, e o Centro de Oncologia, liderado pelo Prof. Dr. Paulo Hoff – que apoiaram a Sociedade Brasileira de Cardiologia na elaboração da I Diretriz Brasileira de Cardio-Oncologia. O livro é editado pelos Professores Drs. Ludhmila Abrahão Hajjar, Paulo Hoff e Roberto Kalil Filho.

Hospital-Sírio-Libanês-realiza-curso-sobre-codificação-de-morbidades-e-DRGAlguns tratamentos quimioterápicos podem atingir uma taxa de risco de até 30% de complicações cardíacas. A Cardio-Oncologia une duas especialidades que avançam a cada dia em diagnóstico e no desenvolvimento de novas terapêuticas, com o objetivo de cuidar melhor do paciente com câncer, promovendo saúde cardiovascular, aumento da sobrevida e qualidade de vida.

Comentários estão fechados